Onda net

Publicado em 11/01/2018 11h22

IFPB de Santa Luzia será concluído em um ano e seis meses, primeira fase priorizará dois blocos, administrativo e acadêmico


O reitor Nicácio Lopes assinou, nesta quarta-feira, dia 10, ordem de serviço de aproximadamente R$ 7 milhões para o início das obras de construção do Campus do IFPB na cidade de Santa Luzia, situado em uma área de seis hectares denominada de Marias Pretas. O terreno foi doado pelo minerador Aderaldo Ferreira.

 

A instalação do Campus Santa Luzia foi autorizada pelo Ministério da Educação (MEC) em setembro do ano passado, por meio da Portaria 1213/2017, assinada pelo ministro Mendonça Filho.

 

O reitor do IFPB, Nicácio Lopes garantiu que as obras terão início no próximo dia 15 com prazo de conclusão de 1 ano e 6 meses. Esta primeira fase da obra será composta de dois blocos, um administrativo e outro acadêmico. A Construtora Absolute, representada no ato solene pelo empresário Waldeberto Oliveira, ratificou o compromisso assumido de honrar os prazos previstos para a construção.

 

A Diretoria Geral de Obras já delineou o projeto do complexo arquitetônico do Campus Santa Luzia, contemplando urbanização, eletrificação do campus, biblioteca, auditório e restaurante.

A ordem de serviço para início imediato das obras em Santa Luzia marca uma nova etapa da expansão do IFPB no Sertão da Paraíba e a consolida a presença do Instituto Federal da Paraíba em todas as regiões do Estado.

 

“Graças ao esforço da nossa comunidade acadêmica estamos cumprindo a missão institucional de crescer com inovação e inclusão social, e proporcionar aos paraibanos acesso ao ensino técnico e superior público, gratuito e de qualidade”, avaliou o reitor Nicácio.

 

O governo do estado, representado pelo secretário Efraim Morais, os deputados federais Efraim Morais Filho e Hugo Mota, prefeitos, vereadores e lideranças comunitárias prestigiaram o evento. Diretores gerais dos campi da capital ao sertão também participaram do evento em Santa Luzia.

 

O deputado Efraim Filho disse que a construção do Campus representa, de forma imediata, vagas de trabalho para o mercado local e novas ofertas de ensino profissionalizante para o Sertão da Paraíba.

“Gostaria de lembrar, neste momento, o apoio que temos recebido do ministro Mendonça Filho em favor da liberação do Campus Santa Luzia e destes recursos que estão sendo investidos nesta unidade de ensino do IFPB”, destacou o parlamentar ao demonstrar sua obstinação na ampliação do diálogo regional em busca de sustentabilidade para o Vale do Sabugi .

 

Já o deputado Hugo Mota confirmou seu compromisso com o IFPB,  independente do município ou região. Ele foi o primeiro parlamentar paraibano que destinou recursos de emenda para o Campus Santa Luzia. Durante seu pronunciamento ratificou que vai continuar lutando pelo fortalecimento do Instituto Federal da Paraíba e suas necessidades emergenciais.

 

Após a solenidade de assinatura da Ordem de Serviço os vereadores do Vale do Sabugi prestaram uma homenagem honorífica ao reitor do IFPB, professor Cícero Nicácio do Nascimento Lopes.

 

“Estou muito feliz por este momento, eternamente grato a nossa equipe gestora e à comunidade acadêmica do IFPB,  com quem divido essa homenagem pelo trabalho que realizamos juntos”, finaliza o reitor Nicácio Lopes.

 

DGCOM - IFPB


TAGS
    Nenhum resultado encontrado.


COMENTÁRIOS
Bookmark and Share