Onda net

Publicado em 13/11/2018 07h20

Efraim Filho no diálogo possível entre Bolsonaro, o governador Azevedo e os interesses da PB


O papel de Efraim Filho no diálogo possível entre Bolsonaro, o governador Azevedo e os interesses da Paraiba
 
O deputado federal reeleito Efraim Filho reservou parte do tempo nesta segunda de sessão na Câmara Federal, em Brasília, para refletir sobre muitos temas difíceis, reais, mas a exigir atitude, como se dará de agora em diante entre a base do presidente eleito Bolsonaro e o governador progressista João Azevedo. A causa e efeito: os novos e futuros projetos da Paraiba.
 
Fazia tempo não conversava com ele.
 
A rigor, este contexto negociador de Efraim Filho expõe o inusitado do papel e postura do deputado federal do DEM, jovem promissor e com DNA do Centro Direita no maior “love político” com o socialista Ricardo Vieira Coutinho.
 
Neste caso, é a força do pragmatismo.
 
ANTES DA ESSÊNCIA E FUTURO
 
Efraim Filho, de perfil conservador, é o melhor quadro do DEM nestas bandas de Pernambuco/Paraiba/Rio Grande do Norte, tanto que convive numa boa com a onda vermelha/laranja/socialista sem ninguém pegar em arma nem partir para cima do outro por desavenças ideológicas.
 
A Paraiba é um ambiente afeito a isto, das diferenças se resolverem bem
em nome do bem comum.
 
LÁ VEM ELE
 
O jovem líder sabe que, mesmo da Base, não se arvora a ser o porta-voz de Bolsonaro na Paraiba porque enxerga o Julian Lemos neste papel, mas nem por isso deixa de opinar forte e bem a favor do governador e da Paraiba.
 
Mesmo jovem aprendeu cedo com os pais Ângela e Efraim Morais, como se fosse pouco lembrar Nilo Feitosa e os avós Ventura e Inácio Bento, que uma grande caminhada começa com o primeiro passo.
 
Lembro de Efraim, o pai, cantando em Santa Luzia a música imortal de Patrício Amorim com Flávio José, que “a barrinha da felicidade nunca se atrasa”.
 
– Meu papel é este de gerar pontes e construir soluções para meu Estado, a Paraiba, através do governador João Azevedo – sintetizou o deputado reeleito e já com rasgos de cabelo branco pela força do tempo.
 
SÍNTESE
 
Efraim Filho será a peça chave de que João Azevedo precisa para por em prática dialogos “impossiveis”, acordos brandos necessérios para fazer  frente às promessas feitas em campanha.
 
WSCOM


TAGS
    Nenhum resultado encontrado.


COMENTÁRIOS
Bookmark and Share